São Paulo ‘ajudou’ Corinthians a não ser rebaixado no Campeonato Paulista; relembre

A última rodada do Campeonato Paulista terá uma curiosidade interessante. Para avançar às quartas de final do torneio, o Corinthians precisa vencer o Oeste, na Arena Barueri, e também torcer para o rival São Paulo ganhar ou ao menos empatar com o Guarani, time que está com dois pontos à frente do Timão no Grupo D da tabela do Estadual. A importância da ajuda do Tricolor, no entanto, não é inédita. Em 2004, o time do Parque São Jorge se livrou do rebaixamento no Paulistão graças a uma vitória da equipe no Morumbi.

Na ocasião, o Corinthians chegou à rodada derradeira do Paulista em situação melancólica, somando apenas 8 pontos, dois a mais que o Juventus, lanterna da chave. O regulamento da época previa que o pior colocado de cada grupo seria rebaixado para a Série A-2. Em campo, o Alvinegro tinha como missão bater a Portuguesa Santista, no Pacaembu, enquanto o time da Mooca encarava a difícil missão de enfrentar o São Paulo, melhor time do campeonato até então, em São Caetano.

Na cidade do ABC, parte da torcida são-paulina se deliciava com a possibilidade de rebaixar o principal rival, estendendo bandeiras em apoio ao Juventus. O coro para uma derrota do Tricolor aumentou enquanto o Corinthians perdia para a Portuguesa Santista. O São Paulo, entretanto, não “entregou” e abriu 2 a 0 com gols de Grafite.

No fim, o Corinthians, de fato, acabou sendo derrotado, em pleno Pacaembu, pelo placar de 1 a 0. O Timão, no entanto, se livrou da queda devido ao resultado do Tricolor, que chegou a levar um gol do Juventus, mas terminou a partida com o triunfo de 2 a 1, rebaixando o time da Zona Leste da capital.

Depois da partida, os jogadores tricolores chegaram a tirar uma onda com a ajuda ao rival Corinthians. “No intervalo ainda brincaram com a gente que iam fazer um busto no Parque São Jorge. Eu falei que não, não quero busto no Parque São Jorge, quero no Morumbi”, disse Grafite. Rogério Ceni, por sua vez, brincou: “Os últimos jogos contra o Corinthians foram bons, três jogos e três vitórias nossas. Bom que eles ficam na primeira divisão, ano que vem tem mais.”