Pedidos de recuperação judicial registram menor quantidade desde 2013

A queda está relacionada à nova lei aprovada no final de novembro

O novo projeto de lei também estende prazos para pagamento de dívidas tributárias

O Brasil registrou, em novembro, 52 pedidos de recuperação judicial, o menor número desde novembro de 2013, quando foram registradas 51 requisições. Em comparação ao mesmo mês de 2019, a queda foi de 54,5%. Os dados são da Serasa Experian. A queda está relacionada à nova lei de falências aprovada pelo Senado no final de novembro.

As micro e pequenas empresas foram as que mais solicitaram recuperação em novembro, com 31 pedidos. As companhias de porte médio (16) e grande (5) aparecem na sequência. Segundo a Serasa, a redução no volume de pedidos de recuperação judicial se deve a uma série de incentivos dados às empresas no período de pandemia, além da recente mudança na lei.

“Antes de partir para um pedido de recuperação judicial, os negócios buscaram alternativas com os credores, aumentando prazos e novas linhas de crédito, por exemplo. Além disso, houve a aprovação de uma nova lei que tem como objetivo tornar os processos mais eficientes, portanto muitas pessoas jurídicas estão aguardando esta definição para seguir com as requisições”, analisa Luiz Rabi, economista da Serasa Experian.

O Senado aprovou no final de novembro o projeto de lei que reformula a Lei de Falências. O projeto amplia o financiamento a empresas em recuperação judicial, permite o parcelamento e o desconto para pagamento de dívidas tributárias e possibilita aos credores apresentar plano de recuperação da empresa. De acordo com o texto, se autorizado pelo juiz, o devedor em recuperação judicial poderá fazer contratos de financiamento, inclusive com seus bens pessoais em garantia, para tentar salvar a empresa da falência. O projeto de lei também estende prazos para pagamento de dívidas tributárias e proíbe qualquer tipo de penhora ou busca e apreensão durante a fase de recuperação judicial.

Com Agência Brasil 

Artigos Relacionados

Comentários

Compartilhar

Últimas Notícias

Athletic Bilbao elimina Real Madrid e decide final da Supercopa da Espanha com Barcelona

O El Clássico não vai acontecer na Supercopa da Espanha. Nesta quinta-feira, 14, a equipe de Athletic Bilbao eliminou o Real Madrid ao vencer...

Time da Nova Zelândia desiste de jogar o Mundial de Clubes por causa da pandemia

O Auckland City, da Nova Zelândia, avisou a Fifa nesta sexta-feira, 15, que não vai participar da próxima edição do Mundial de Clubes, em...

Vendas no varejo ficam estáveis em novembro

Variação negativa de 0,1% interrompe série de altas

Ministro do Japão admite que novo surto de Covid-19 ameaça Olímpiada

Autoridade japonesa põe em dúvida a realização da Olimpíada em Tóquio em 2021. Taro Konno, chefe das Relações Administrativas do Japão, alertou que um...

Botafogo coloca o estádio Nilton Santos à disposição como ponto de vacinação contra Covid-19

Os clubes estão cada vez mais engajados na luta contra a Covid-19. Depois de Corinthians e São Paulo disponibilizarem ao governo de São Paulo...