Salário mínimo será de R$ 1.100 em 2021

Medida Provisória precisará ser aprovada pelo Congresso

O valor está acima dos R$ 1.088 previstos pela equipe econômica

O presidente Jair Bolsonaro anunciou que o salário mínimo será de R$ 1.100 em 2021. Segundo ele o valor constará de uma medida provisória (MP), a ser publicada no Diário Oficial da União. O valor atual do salário mínimo é de R$ 1.045, e o novo valor vale a partir de 1º janeiro de 2021. A Medida provisória precisará ser aprovada pelo Congresso.

O salário mínimo de R$ 1.100 está acima dos R$ 1.088 previstos pelo governo na proposta de alteração da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), enviada em 15 de dezembro ao Congresso. Na proposta, o governo revisou de R$ 1.067 para R$ 1.088 em razão do crescimento da inflação nos últimos meses. O Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) é base para a correção anual do salário mínimo. De acordo com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), o salário mínimo serve de referência para 49 milhões de trabalhadores no Brasil.

Artigos Relacionados

Comentários

Compartilhar

Últimas Notícias

Fachin anula condenações de Lula julgadas pela Lava Jato em Curitiba

Ex-presidente pode se candidatar nas eleições de 2022

Produtividade na indústria cai com crise causada pelo coronavírus

A CNI avalia que as perspectivas para 2021 são melhores, mas as incertezas permanecem elevadas

Petrobras aumenta preços da gasolina e do diesel nas refinarias

Sexto aumento da gasolina do ano é da ordem de 9,2% para R$ 2,84

Governo do RS adia datas de vencimento para cerca de R$ 600 milhões em ICMS

Iniciativas beneficiam comércio não essencial e empresas do Simples Nacional

Inadimplência volta ao patamar pré-pandemia

Pesquisa de fevereiro aponta sexta queda consecutiva do índice