Sul cria mais de 90 mil postos formais em novembro

Região tem um saldo positivo de quase 110 mil vagas no ano

Santa Catarina foi o destaque ao conquistar um saldo positivo de 33.004 no mês passado

Pelo quinto mês consecutivo, o Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged) registrou saldo positivo na geração de empregos. Em novembro o saldo foi de 414.556 postos de trabalho. Esse resultado decorreu de 1.532.189 admissões e de 1.117.633 desligamentos. O estoque, que é a quantidade total de vínculos celetistas ativos, contabilizou 39.036.648 vínculos, o que representa uma variação de 1% em relação ao estoque do mês anterior. No acumulado do ano, foi registrado saldo de 227.025 empregos, decorrente de 13.840.653 admissões e de 13.613.628 desligamentos.

Todos os estados registraram saldos positivos, sendo que São Paulo obteve o maior (+138.411 postos), seguido por Santa Catarina: (+33.004) e Minas Gerais (+32.894). O Sul criou 92.610 vagas em novembro e acumula um saldo de quase 110 mil carteiras assinadas no ano. O desempenho negativo ainda é puxado pelo Rio Grande do Sul que acumula mais de 19 mil postos fechados (veja todos os dados da região e por estado nas tabelas a seguir).

Artigos Relacionados

Comentários

Compartilhar

Últimas Notícias

Sul eleva participação no PIB industrial em uma década

Índice avançou 2,4% no período, de acordo com estudo da CNI O Paraná é o terceiro estado com...

Mercado aumenta previsão de crescimento da economia

Estimativa de expansão passou de 3,21% para 3,45%, neste ano A expectativa para a cotação do dólar caiu...

Começa a valer nova política de privacidade do WhatsApp

Órgãos de defesa do consumidor apontam problemas nas novas regras O WhatsApp “se comprometeu a colaborar” com os...

Plasfer: como se proteger em tempos de pandemia:

A Plasfer - Healthcare Products & Solutions é uma empresa que fabrica equipamentos de proteção individual. Há mais de 10 anos no...

STF decide a favor dos contribuintes sobre ICMS na base de cálculo do PIS/Cofins

Ministros excluem ICMS destacado em nota fiscal da cobrança dos tributos federais Por outro lado, decisão favorece União porque só vale a partir de...