Bolsonaro se defende após ser chamado de corrupto e ataca a Globo

Bolsonaro

Bolsonaro

Bolsonaro
Bolsonaro se defende de acusação atacando a Globo(Imagem: Reprodução / Globo)

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) fez uma live no Facebook e comentou o prêmio que recebeu de Pessoa Corrupta do Ano pelo Organized Crime and Corruption Reporting Project (OCCRP), um consórcio internacional de jornalistas investigativos. Em própria defesa, o “capitão” atacou a Globo.

Para ele, a delação de Dario Messer sobre os supostos repasses de milhões de dólares para os Marinho, donos da Globo, “é uma vergonha nacional”. Em contrapartida, ele disse que não ficou provado a sua interferência na Polícia Federal.

“Para esses jornalistas, eu sou a personalidade do ano nessa categoria. E aí a imprensa aqui divulga”, criticou. “Olha os números do Ministério da Justiça. Estamos há dois anos sem corrupção, PF é independente. Me acusaram de interferência e nada comprovaram”, disse.

No entanto, um inquérito aberto pelo STF (Supremo Tribunal Federal), sobre a apuração de uma possível interferência do presidente na Polícia Federal foi prorrogado por mais 90 dias no mês de dezembro.

Em tom de deboche, Bolsonaro alfinetou os responsáveis pelo consórcio e detonou a Globo: “Eu pensava que esse grupo fosse analisar a delação premiada do Messer. Que falou que os irmãos Marinho desviaram milhões em propina […] Caso Marinho é vergonha nacional”.

Paulo CarvalhoPaulo Carvalho

Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].

O post Bolsonaro se defende após ser chamado de corrupto e ataca a Globo apareceu primeiro em RD1.

Artigos Relacionados

Comentários

Compartilhar

Últimas Notícias

Balança comercial tem superávit de US$ 1,1 bilhão em fevereiro

Resultado é o mais baixo para o mês em sete anos

Confiança deixa de ser homogênea entre os segmentos da indústria

ICEI teve resultados setoriais difusos em fevereiro

Petrobras anuncia nova alta nos preços da gasolina, diesel e gás

Reajuste será nas refinarias e entra em vigor nesta terça

Asfixia silenciosa por Covid-19: ‘Não senti nada, mas meus pulmões estavam tomados’, diz jovem

Apesar de não apresentar febre, tosse ou falta de ar, a engenheira de produção Bruna Chagas, de 33 anos, procurou o atendimento de saúde...

O ar que me falta

Três razões tornaram a leitura do livro de Luiz Schwarcz uma experiência fulminante