Puxado por EUA e Brasil, OMS registra recorde de casos diários por Covid-19

A Organização Mundial da Saúde (OMS) informou neste sábado (4) que seus países membros reportaram 212.326 novos casos de Covid-19, o maior aumento em um único dia desde o início da pandemia. Segundo a OMS, Estados Unidos e Brasil foram os países que tiveram os maiores aumentos, com 53.213 e 48.105 novos casos, respectivamente.

Foram registradas 5.134 novas mortes nos países membros, disse a organização, sendo 623 nos EUA e 1.252 no Brasil.

Os números da OMS podem ser diferentes dos divulgados por outras instituições por causa de atrasos na publicação de dados oficiais por alguns países.

Testes com hidroxicloroquina suspensos

A Organização Mundial da Saúde (OMS) também anunciou neste sábado (4) que vai interromper o estudo envolvendo o uso da hidroxicloroquina para tratamento de pacientes internados com o novo coronavírus.

A decisão tem como base uma recomendação do Comitê envolvido no Estudo Solidariedade, que foi estabelecido pela OMS na tentativa de encontrar um tratamento eficaz contra a doença. A entidade já havia chegado a interromper os estudos no âmbito do ensaio clínico, mas voltou a realizá-los logo depois.

*Com Estadão Conteúdo

Artigos Relacionados

Comentários

Compartilhar

Últimas Notícias

Balança comercial tem superávit de US$ 1,1 bilhão em fevereiro

Resultado é o mais baixo para o mês em sete anos

Confiança deixa de ser homogênea entre os segmentos da indústria

ICEI teve resultados setoriais difusos em fevereiro

Petrobras anuncia nova alta nos preços da gasolina, diesel e gás

Reajuste será nas refinarias e entra em vigor nesta terça

Asfixia silenciosa por Covid-19: ‘Não senti nada, mas meus pulmões estavam tomados’, diz jovem

Apesar de não apresentar febre, tosse ou falta de ar, a engenheira de produção Bruna Chagas, de 33 anos, procurou o atendimento de saúde...

O ar que me falta

Três razões tornaram a leitura do livro de Luiz Schwarcz uma experiência fulminante